O que esperar da universidade até 2020

A educação está vivendo momentos de ruptura com sistemas que têm se mostrado inadequados para a realidade do século 21. É a tecnologia sendo absorvida organicamente por alunos e prometendo melhorar as oportunidades de aprendizado. E essa efervescência, que chega com força às escolas, não deixou as universidades de fora. A especialista Katie Blot, que já trabalhou como CIO do Federal Student Aid (seção do departamento de Educação dos EUA responsável por dar ajuda financeira a estudantes) e hoje é CIO da plataforma Blackboard, fez o exercício de estudar as tendências que têm observado na educação e tentou prever o que será comum para a universidade de 2020.

Em visita ao Brasil, Blot elencou algumas delas tendências. “Fizemos uma lista só de seis tendências. Mas tem muita coisa acontecendo em educação, em diferentes países”, afirmou ela ao Porvir. Blot representa uma das maiores plataformas educacionais do mundo e que já vem sendo usada por instituições brasileiras. O ambiente educacional, que é líder entre universidades, se baseia em ferramentas on-line para permitir que alunos tenham acesso a conteúdo, interajam uns com os outros, registrem os passos de seu aprendizado.

Veja, a seguir, a lista das tendências para o ensino superior apontadas por Blot, com os comentários e dados trazidos pela especialista. Na sequência de cada item, você verá algumas notas da redação, que procuram avaliar se e como tal tendência pode ser verificada no contexto educacional brasileiro.

Leia na íntegra em: http://porvir.org/porpensar/esperar-da-universidade-ate-2020/20130920