Ministérios de Educação apontam desejos na Bett

Como a tecnologia pode contribuir para a melhoria do aprendizado? Considerada uma pergunta central em quaisquer que sejam os debates sobre inovação em educação, foi esse o questionamento que também permeou as discussões do I Latin America Leadership Summit, realizado pela Bett*, reconhecida feira de eventos britânica voltada à tecnologia educacional. O encontro de lideranças ocorreu nesta quinta (31) e sexta-feira (1) em São Paulo e reuniu palestrantes de mais de 30 países, a maioria deles representantes de ministérios de Educação e governos latino-americanos. Estiveram presentes também autoridades educacionais de Finlândia, Coreia do Sul e Estados Unidos.

Em comum, os mais diversos países compartilharam o que esperam da educação que oferecem daqui para frente. Alguns dos mais bem colocados nos rankings internacionais de qualidade da educação compartilharam seus desafios, que passam por flexibilizar e humanizar o ensino ou melhorar a formação de quem já saiu da escola. Entre os latino-americanos, que ainda não superaram totalmente a discussão da garantia da infraestrutura adequada, já há movimentos que colocam a inovação em sala de aula na pauta.

Confira, a seguir, os destaques selecionados pelo Porvir.

Finlândia – Preocupação com o gap geracional

No país nórdico, que tem um dos sistemas de educação mais inclusivos e eficientes do mundo, conforme pesquisas internacionais e avaliações como o Pisa, a preocupação agora está voltada para as crianças (hoje adultas) que não tiveram acesso ao novo modelo de educação implantado há 50 anos. “Já não é mais um segredo para o mundo que fazemos bem. Confiamos totalmente nos nossos professores e na educação como ponto-chave para o desenvolvimento. No entanto, observamos que os adultos que hoje têm entre 50 e 65 e não puderam frequentar esse modelo de escola que criamos recentemente precisam de mais atenção do Estado e de mais instrução e qualificação”, afirma Krista Kiuru, ministra da Educação do país.

Leia a matéria completa em: http://http://porvir.org/porfazer/ministerios-de-educacao-apontam-desejos-na-bett/20131101