‘Tecnologia libera professor para o que importa’

O ensino híbrido é um modelo tão novo que seus resultados ainda não foram completamente provados. Nos Estados Unidos, porém, uma escola charter de Los Angeles (pública de administração privada) chamou a atenção por ter conseguido os melhores resultados da região nas provas do governo. A Kipp Empower Academy usa o modelo desde que foi inaugurada, em 2010.

O resultado positivo chega num momento em que todo o distrito escolar de Los Angeles discute a adoção de tecnologia nas salas de aula. Recentemente, a cidade anunciou um esforço de US$ 1 bilhão para prover tablets para todos os alunos das escolas públicas da região.

A Kipp (Knowlegde is Power Program) é uma das maiores redes de escola charter dos EUA, que administra mais de 140 escolas públicas e 50 mil alunos espalhados pelo país. Normalmente, as escolas servem a regiões de vulnerabilidade social. Em entrevista ao EdSurge, o diretor da Kipp Empower Academy, Mike Kerr, falou o que ele pensa sobre o potencial da edtech e como outras escolas podem aprender tanto por seus acertos quanto erros.

Continue lendo em: “http://porvir.org/porpensar/tecnologia-libera-professor-para-importa/20131106″